Notícias

Estudo sobre prevalência do Covid 19 em transplantados de fígado

Estudo recente demonstrou que apenas 4% das pessoas transplantadas de fígado no epicentro da pandemia na Itália tiveram COVID-19.

Nenhum transplantado recente precisou de hospitalização. A mortalidade da doença (2%) foi inferior à média na Itália (10%), tendo sido observada apenas em pacientes IDOSOS e com COMORBIDADE, com mais de 10 anos de transplante e baixa imunossupressão.

Estes dados preliminares não demonstraram ser a imunossupressão no transplante de fígado fator de risco isolado de morbimortalidade para infecção pelo coronavírus

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: