Notícias

Grupo Esperança participa de ações solidárias no extremo sul de São Paulo organizadas pela FAMBRAS

A Federação das Associações Muçulmanas do Brasil – FAMBRAS realizou duas ações do “Islam Solidário” em parelheiros, extremo sul da capital paulista. Desta vez, a ação solidária aconteceu no dia 04/08/2019 no CEU Parelheiros e na comunidade indígena da aldeia Tenondé Porã.

No CEU Parelheiros, foram beneficiadas cerca de 50 mil pessoas. Houve exames de hipertensão, colesterol, diabetes, hepatite C (com a participação do corpo de voluntários do Grupo Esperança), orientação nutricional e odontológica, corte de cabelo, limpeza de pele e quick massagem. Além disso, foram distribuídas 500 senhas para realização de exames oftalmológicos, com doação de óculos.

Exclusivamente para esta edição, o Islam Solidário ofereceu também exames de DNA e emissão da segunda via de certidões de nascimento, casamento e óbito, realizados em parceria com o governo estadual. Esses serviços também foram realizados mediante apresentação de senhas.

Para as crianças, teve muita diversão com brinquedos infláveis, escultura de bexiga, pintura de rosto, pipoca, algodão doce, gibis da Turma do Khalil e o ponto alto: distribuição de 3.000 mil brinquedos. O evento contou também com uma programação cultural com oficina de grafite e apresentação de capoeira.

Tenondé Porã

Nas terras indígenas Tenondé Porã estão situadas 7 aldeias que dividem uma área de aproximadamente 15.969 hectares. São cerca de 500 famílias de indígenas Guaranis vivendo no local. Além de desfrutarem da estrutura completa do Islam Solidário, essas famílias foram contempladas com outro projeto da FAMBRAS, o “Água, Saúde & Vida”, que instalou dois purificadores de água e um sistema para tratamento de esgotos.

A falta de água potável e saneamento básico na região favorece o surgimento de doenças parasitárias e atrai vetores de doenças. Há 15 anos, foi criada na aldeia uma Unidade Básica de Saúde para cuidar desses casos e também de doenças respiratórias, que atingem a maioria das crianças, mas mesmo assim, a população ainda carece de cuidados.

Os purificadores de água foram instalados na região próxima à UBS para facilitar os atendimentos. A tecnologia utiliza raios ultravioleta (UV) para purificar água de rios e torná-la potável em poucos segundos. Estes equipamentos são totalmente autônomos, com funcionamento a partir de energia solar.

Já o sistema para tratamento de esgotos irá atender neste primeiro momento uma escola da própria aldeia que atende 350 alunos. Sua eficiência é superior a 95%, é autossustentável e também funcionará com energia solar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s